Ação de Formação n.º 59.1 – 2017/2018
Edição e Composição de Imagem (CCPFC/ACC – 87999/16)

Modalidade: Curso de Formação
Duração: 25 horas presenciais
N.º de Créditos: 1,0
Formador: Ricardo Jorge Loureiro Bigote Pinto
Destinatários: Educadores de Infância, professores do Ensino Básico e Secundário, de Educação Especial do Agrupamento de Escolas de Mira
Local da Formação: Escola-sede do Agrupamento de Escolas de Mira

Inscrições:
Na Escola

Critérios de seleção dos formandos:
1. Docentes do Agrupamento de Escolas de Mira;
2. Ordem de inscrição.

Calendarização:
23-09-2017
09:30 – 12:30h | 14:00 – 17:00h
30-09-2017
09:30 – 12:30h | 14:00 – 17:00h
14-10-2017
09:30 – 12:30h | 14:00 – 17:00h
21-10-2017
09:30 – 12:30h | 14:00 – 18:00h

Razões justificativas:
Dada a evolução dos tempos, a utilização do papel tem vindo a diminuir. As tecnologias digitais facilitam, cada vez mais, o acesso e a divulgação da informação.
As atividades realizadas pelas escolas, projetos escolares e por outras entidades escolares, necessitam que se realize um trabalho de edição, correção e composição de imagem digital, quer para divulgação quer para redação de notícias.
Este curso de formação foi pensado para ajudar os professores e os responsáveis pelas bibliotecas escolares, a retirarem partido da tecnologia, promovendo a divulgação de atividades em formato de papel e em formato digital, através da criação de cartazes, panfletos, imagens digitais e vídeos para a web.

Objetivos:
No final desta ação, os formando deverão ser capazes de:
• Reconhecer, de um modo geral, conceitos associados à imagem digital;
• Conhecer os direitos de autor relacionados com a utilização de imagem;
• Utilizar bancos de imagens;
• Conhecer as propriedades das imagens digitais;
• Conhecer formatos de ficheiros de imagem;
• Proceder à captura de imagens e vídeos digitais;
• Corrigir imagens utilizando ferramentas de correção;
• Corrigir cor, tonalidade, contraste e brilho;
• Procurar e utilizar técnicas avançadas de edição de imagem;
• Compor uma imagem para impressão ou publicação na web;
• Criar vídeos com recurso a imagens, vídeos e sons;
• Publicar imagens e vídeos na web.

Conteúdos da ação (25 horas):
1. Conceitos introdutórios sobre imagem digital (2 horas):
1.1. Bancos de imagens e direitos de autor;
1.2. Dimensão e resolução;
1.3. Recorte de imagens;
1.4. Modelos de cor;
1.5. Brilho e contraste;
1.6. Saturação;
1.7. Gama tonal;
1.8. Formatos de ficheiro;
1.9. Dimensão de um ficheiro.
2. Edição e tratamento de imagem (9 horas):
2.1. Realização de fotografia digital;
2.2. Ferramentas de edição de imagem;
2.3. Técnicas de tratamento de imagem;
2.4. Noção de camada e mistura de camadas;
2.5. Técnicas avançadas de edição de imagem.
3. Composição de Imagem (6 horas):
3.1. Ferramentas de composição de imagem;
3.2. Técnicas de composição de imagem.
4. Edição de vídeo (6 horas):
4.1. Realização de vídeo digital;
4.2. Ferramentas de edição de vídeo;
4.3. Criação de um slideshow de imagens;
4.4. Inserção de legendas;
4.5. Inserção de som;
4.6. Utilização de ferramentas de edição online;
5. Publicação de conteúdos na web (2 horas):
5.1. Publicação de imagens;
5.2. Publicação de vídeos.
(O curso de formação desenvolve-se numa metodologia que integra 25 horas de formação presencial, com atividades maioritariamente práticas, com momentos expositivos e de orientação.
Cada formando deve ter a seu dispor um computador, com a possibilidade de acesso à internet, no qual realizará as tarefas propostas para cada sessão).

Regime de avaliação dos formandos:
A Ação de formação, apresentará uma avaliação contínua da prestação dos formandos, seguindo os seguintes critérios:
• Obrigatoriedade de frequência de 2/3 das horas presenciais;
1. Participação e produção (50%)
Participação (oral ou online) – 10%
Realização das Tarefas nas Sessões – 30%
Pontualidade – 10%
2. Reflexão crítica Final (50%)

Os trabalhos práticos e reflexões efetuadas, de acordo com os critérios previamente estabelecidos, são classificados nas escala de 1 a 10, conforme indicado na Carta Circular CCPFC – 3/2007 – Setembro 2007, com a menção qualitativa de:
• 1 a 4,9 valores – Insuficiente;
• 5 a 6,4 valores – Regular;
• 6,5 a 7,9 valores – Bom;
• 8 a 8,9 valores – Muito Bom;
• 9 a 10 valores – Excelente.

Modelo de avaliação da ação:
a) pelos formandos: resposta a um inquérito elaborado para o efeito;
b) pelo formador: resposta a um inquérito elaborado para o efeito;
c) pelo Centro de Formação: elaboração de um relatório global de avaliação com base nos instrumentos avaliativos utilizados por formandos e formador.